Prefeitura entrega Prêmios Culturais 2024 nesta terça


Premiação acontece durante a 24ª Conferência Municipal de Cultura, que acontece hoje e amanhã

Será realizada na noite desta terça-feira (dia 28) a entrega dos Prêmios Culturais 2024 para artistas que têm se destacado em diversos segmentos culturais, na cidade. A cerimônia de premiação acontece dentro da programação da 24ª Conferência Municipal de Cultura, realizada no Cine-Teatro Ópera. A promoção é da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura e Conselho Municipal de Política Cultural. O evento inicia às 19 horas.

Os prêmios culturais são entregues anualmente, desde 1984. O objetivo é reconhecer e incentivar o trabalho e homenagear cidadãos que tenham contribuído para a difusão e desenvolvimento da cultura na cidade de Ponta Grossa. A premiação abrange artes populares, literatura, artes visuais, música, dança, teatro, além de mérito cultural. “O Conselho Municipal de Política Cultural reconhece as pessoas escolhidas nesta edição como importantes protagonistas na cultural local, por sua história de luta pela manutenção das artes, da identidade e da cultura. Por isso, nós ficamos muito felizes em participar deste importante momento”, destaca o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal. 

Ao todo, são oito premiações que serão entregues na noite de amanhã, em diferentes segmentos. O Prêmio Roselei do Rocio Manoel – de artes populares, será entregue ao rapper Ismael Gueg; o Prêmio Anita Philipovsky, de literatura, irá para a escritora Dione Navarro; o Prêmio João Pilarski, de artes visuais, será recebido pela artista plástica, Simone Alvares; Prêmio Jacob Holzmann, de música, para o músico Newton Schner Jr.; Prêmio Emma Sintani, de dança, para o coreógrafo Guilherme Tupich; e Prêmio José Fernandes Cadilhe, de teatro, para o dramaturgo e ator Gabriel Vernek.

Os prêmios culturais 2024 também contam com o Mérito Cultural Ribas Silveira, que vai para Jackson Willian Pluskota, desenvolvedor e programador de jogos digitais. A noite reserva ainda um prêmio especial, in memorian, para DJ Toom, Vanderson Antônio de Oliveira, falecido recentemente.

Prefeitura lança ‘Projeto Raiz, Cultura e Produto’ na próxima segunda-feira

Será lançado no próximo dia 29, segunda-feira, o ‘Projeto Raiz, Cultura e Produto’ 2024. A cerimônia de lançamento acontece às 14 horas, na Biblioteca Pública Municipal. O objetivo é criar uma coleção de produtos artesanais com identidade cultural de Ponta Grossa, voltados para o consumo do público local. O projeto é desenvolvido pela Casa do Artesão em parceria, orientação e curadoria da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de Ponta Grossa.

          O Projeto Raiz, Cultura e Produto supera o conceito de produção de souvenirs para turista. “Nós buscamos traduzir em produto artesanal, significados da cultura local que são reconhecidos pela comunidade ponta-grossense”, explica o secretário Municipal de Cultura, Alberto Portugal. Assim, esses símbolos e expressões que são patrimônios do município, são representados em produtos a serem consumidos, principalmente pela população local. Para isso, são criadas coleções com essas características.

          Este é o segundo ano do projeto, lançado em 2023. No ano passado, por exemplo, foi criada a personagem ‘Rosney, a Pomba Sensata’, que consegue ser reconhecida como um símbolo local. Rosney pode ser encontrado em produtos como canecas ou almofadas, produzidas pelos artesãos. Também houve destaque para a produção em palha de joias e de símbolos locais, como representações de São João Maria e Corina Portugal.

          Para 2024, o secretário Alberto Portugal explica que “serão realizados encontros e oficinas, com uma curadoria especial, para discutir símbolos, significados, propostas de valor e muitas coisas importantes que vão definir o sentido da coleção”. Essas oficinas são gratuitas e abertas a todos os interessados. Não é necessário ter CNPJ nem ser associado de alguma associação para participar. O Projeto pretende buscar, assim como ocorreu no ano passado com Rosney, a Pomba Sensata, um novo produto para a coleção deste ano.

          A produção do Projeto Raiz poderá ser comercializada na loja de artesanato da Concha Acústica e também em eventos culturais promovidos pela Secretaria Municipal de Cultura. Outra proposta, segundo o secretário Alberto Portugal, é ressignificar o próprio perfil dos consumidores de artesanato. “Com esses produtos, queremos atrair o público jovem e ampliar o potencial de consumo”, explica. O lançamento da coleção 2024 do Projeto está prevista para ocorrer em julho.

INSCRIÇÕES PARA O PROJETO RAIZ – EDIÇÃO 2024 (ATÉ DIA 10/05/2024):
https://forms.gle/ALnSSi3UVAPSU4wo9

Casa do Artesão realiza oficina para o Dia dos Pais

            A Casa do Artesão de Ponta Grossa realiza, no próximo sábado (dia 5), a ‘Oficina de Dia dos Pais’  de produção artesanal. A atividade acontece na Concha Acústica, das 10h às 12h. A promoção conta com apoio da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no local e momentos antes do início. As vagas são limitadas.

            Conforme explica a presidente da Casa do Artesão, Maria Luíza Côrtes Cavazotti, o objetivo é promover o conhecimento do artesanato em suas várias vertentes. Nesse curso, os participantes aprenderão, entre outras, técnicas de produção de pequenas frases grafadas em tábuas em homenagem aos pais.

            O secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, destaca a importância dessa e outras oficinas que são realizadas pela associação. “O artesanato é uma expressão cultural e estamos trabalhando em conjunto com a Casa do Artesão por acreditar que ela oportuniza a geração de renda, a economia criativa e a manifestação artística de toda comunidade”, explica.

Praça Barão de Guaraúna recebe PG Projection neste domingo

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, promove, neste domingo (02), mais uma apresentação do projeto PG Projection. A ação, que consiste em um show de luzes e sons com a projeção de fotos históricas em diferentes locais da cidade, acontece na fachada da Igreja Sagrado Coração de Jesus – Igreja dos Polacos – na Praça Barão de Guaraúna a partir das 20h.

Com o tema “Comum Unidade”, as projeções serão realizadas no local nos dias 02, 03 e 04 de julho das 20h às 21h30.

O ‘PG Projection’ faz parte da programação dos 200 anos de Ponta Grossa, que prevê a realização de 200 grandes eventos. Todos os meses, até dezembro, o projeto estará em um local diferente da cidade.

Conferência Municipal escolhe novos conselheiros e mostra a dinâmica da área em Ponta Grossa

A 23ª Conferência Municipal de Cultura, realizada no início dessa semana (dias 29 e 30) definiu os nomes dos novos conselheiros do Conselho Municipal de Políticas Culturais (CMPC). O evento reuniu representantes de todos os segmentos artísticos culturais da cidade no Cine-Teatro Ópera e serviu também para mostrar o que tem sido feito nesse segmento em Ponta Grossa e para a apresentação de propostas. 

O objetivo da Conferência, segundo o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, foi de “fortalecer o diálogo com os fazedores de cultura do município, além de levantar propostas para a construção de políticas públicas mais eficazes e, assim, fortalecer ainda mais a cultura ponta-grossense”. O propósito também é de atender toda a comunidade de Ponta Grossa, a partir de propostas que possam aproximar cada vez mais as produções culturais da população.

A Conferência deste ano teve um formato diferente, uma vez que as proposições foram encaminhadas com antecipação por formulário digital. A partir do recebimento, o Conselho Municipal de Política Cultural compilou todas as propostas, sintetizando as similares. “O objetivo foi otimizar o tempo da Conferência ao juntar proposições iguais”, explica o secretário. 

Na primeira noite aconteceu a abertura da exposição ‘Múltiplas Cenas’ e uma apresentação da Orquestra Sinfônica de Ponta Grossa. O secretário Municipal de Cultura (SMC) e presidente do CMPC, Alberto Portugal, fez a prestação de contas das atividades da Secretaria. Ele destacou o incremento das atividades ao longo dos primeiros 879 dias de atuação da atual gestão. Nesse período, o foco se deu sobre cinco premissas centrais: Patrimônio Cultural; Fomento, Incentivo e Apoio; Fortalecimento dos Setores; Lazer, Entretenimento e Alegria; e Pesquisa, Educação Cultural e Inclusão. 

O secretário apresentou um mapa com a espacialização das ações culturais dentro e fora do centro da cidade, bem como a constituição de futuros polos de difusão cultural. Também explicou como funciona o orçamento do setor da Cultura, o Planejamento Estratégico de 2023 e a distribuição desses recursos no ano passado. Entre os pontos abordados pelo secretário, destacam-se a reestruturação de unidades culturais; apoio fomento e incentivo à cultura; eventos culturais; geração e manutenção de bolsas em trabalho cultural; realizações de ações descentralizadas; eventos de entretenimento, manutenção de programas, folhas de pagamento, apoio a ações de terceiros – públicas, gratuitas e com objetivo cultural.

Durante a prestação de contas, o secretário Alberto Portugal também lembrou que Ponta Grossa faz parte do grupo das sete maiores cidades do Paraná. Também se ocupa uma vaga no Conselho Estadual de Cultura (Consec), AMCG e do fórum estadual de Gestores de Cultura. Depois, detalhou todas as atividades realizadas pela Secretaria.

NOVOS CONSELHEIROS

Durante a 23ª Conferência Municipal de Cultura foram apresentadas diversas propostas para o setor cultural e eleitos os novos conselheiros para o próximo biênio. Foram escolhidos: Wilton Correa Paz (Artes Visuais), Ana Cláudia Ferreira Gambassi (Teatro e Circo), Maria Luíza Cavasoti (Artes Populares), Victor Emmanuel Carbonar (LGBTQIAP+), Aymê Alves (Afro brasilidades e Povos Originários), Pamela Schamne (Dança), Everson Pontes (Carnaval), Thaís Cristina dos Santos (Audiovisual), Julia Margarida Kalva (Literatura) e Álvaro Bueno (Música).

Fotos dia 03 da 37ª Semana da Cultura Bruno e Maria Enei – Vir para ver

Registros do terceiro dia da 37ª Semana da Cultura Bruno e Maria Enei – Vir para ver, onde houve, no Cine-Teatro Ópera, multiplas performances de artistas locais junto ao show da Drag Queen Cindy Cindy, em seguida o Grupo de Teatro de Ponta Grossa apresentou a peça ” A Máquina de Somar”.

23ª Conferência Municipal de Cultura acontece nos dias 29 e 30 deste mês

Será realizada dias 29 e 30 deste mês a 23ª Conferência Municipal de Cultura, no Cine-Teatro Ópera. Nos dois dias, as atividades iniciam às 20 horas. A promoção é do Conselho Municipal de Política Cultural, através da Secretaria Municipal de Cultura.

O objetivo da Conferência, segundo o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, é “fortalecer o diálogo com os fazedores de cultura do município, além de levantar propostas para a construção de políticas públicas mais eficazes e, assim fortalecer ainda mais a cultura ponta-grossense”. O propósito das atividades visa atender, também, toda a comunidade de Ponta Grossa, a partir de propostas que aproximem cada vez mais as produções culturais da população.

A Conferência deste ano tem um formato diferente, uma vez que as proposições devem ser encaminhadas com antecipação por formulário digital. A partir do recebimento, o Conselho Municipal de Política Cultural vai compilar todas as propostas, sintetizando as similares. “O objetivo é otimizar o tempo da Conferência ao juntar proposições iguais”, explica o secretário. 

As proposições devem ser enviadas, necessariamente, até o dia 29 no endereço: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/formularios/propostas_conferencia_de_cultura#overlay-context=user/182

CENSO CULTURAL

  A Conferência Municipal de Cultura é anual e de dois em dois anos elege os novos conselheiros. Para se candidatar a uma das vagas de conselheiro é preciso se inscrever no Censo Cultural até o dia 27 e estar presente na conferência no dia 29. Também é obrigatório responder ao Censo para poder votar. 

O cadastro e participação no Censo Cultural de 2023 deve ser feito no site da Secretaria de Cultura, no endereço: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/censo-cultural-2/. Mesmo quem preencheu o censo anterior deve participar desse novo banco de dados.

37ª Semana da Cultura é aberta oficialmente

Foi aberta na noite de ontem (terça, 16) a 37ª Semana da Cultura Bruno e Maria Enei. A solenidade aconteceu na Concha Acústica da Praça Barão do Rio Branco. A promoção é da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, dentro dos eixos ‘Legados Intelectuais’ e de ‘Memória e Identidade’ da programação dos 200 anos de Ponta Grossa. 

A abertura, em uma Concha Acústica revitalizada, com nova pintura e iluminação, teve a apresentação da Banda Lyra dos Campos, que levou muita música ao público presente. O secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, lembrou que a ‘Semana da Cultura’, acontece ininterruptamente desde 1986 e homenageia os professores Bruno e Maria Enei, figuras de grande importância para a cultura de Ponta Grossa e dos Campos Gerais.

Com o tema ‘Vir para ver’, o evento deste ano oferece uma experiência diferente para o público. As atrações só serão conhecidos na hora e local previstos, sem divulgação anterior. “A única garantia é que as atrações foram preparadas com muito carinho para todas as idades e são totalmente gratuitas. Fica o convite para toda a comunidade estar conosco nesta programação e se encantar com a produção artístico-cultural local”, destaca o secretário Alberto Portugal. 

A programação vai até domingo, dia 21, sempre no Cine-Teatro Ópera. Hoje (quarta, 17), a 37ª Semana da Cultura prossegue, a partir das 20 horas, no Palco A. Mesmo horário e local para as apresentações de quinta e sexta. Já no sábado (20), além desse horário, também haverá uma atração anterior (às 19 horas) no Palco B. A Semana da Cultura será concluída no domingo (21) com início um pouco mais cedo, às 19h30. 

37ª Semana da cultura começa nesta terça

Será aberta nesta terça (16) a 37ª Semana da Cultura Bruno e Maria Enei. Com o tema “Vir para ver”, o evento deste ano oferecerá uma experiência diferente para o público. As atrações só serão conhecidos na hora e local previstos, sem divulgação anterior. A programação acontece entre os dias 16 e 21 deste mês (terça a domingo). A promoção é da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura.

Evento mais tradicional do calendário municipal, a Semana da Cultura acontece ininterruptamente há 37 anos. Conforme lembra o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, o objetivo principal é a formação de plateia, dentro dos eixos ‘Legados Intelectuais’ e de ‘Memória e Identidade’ na programação dos 200 anos de Ponta Grossa. 

De acordo com Alberto Portugal, a proposta pensada para este ano pretende provocar surpresa ao público a partir de uma “experiência às cegas”, na qual a plateia não saberá qual será a atração, apenas irá ao local e horário definidos e lá, então, vai se deparar com um concerto, uma peça de teatro ou outra forma de arte. “A proposta é baseada em um novo conceito que tem surgido em áreas como gastronomia e turismo e que agora vai ganhar espaço na cultura. É o ato de consumir cultura sem ter uma prévia do que vai assistir”, explica. 

Alberto Portugal explica ainda que será uma Semana da Cultura repleta de códigos e surpresas para que o público compreenda o consumo cultural sem uma concepção inicial do ídolo, daquele artista, estilo ou arte preferida. Dentro dos objetivos de formação de plateia, destaca o propósito de ir ao teatro, à galeria, vivenciar a experiência cultural pela arte, sem saber o que vai assistir. 

DATAS E LOCAIS

A abertura da Semana da Cultura acontece na Concha Acústica da Praça Barão do Rio Branco, que foi revitalizada, recebendo pintura e nova iluminação. A solenidade acontece a partir das 18h30. Todo restante da programação será realizada no Cine-Teatro Ópera. Dias 17, 18 e 19 (quarta a sexta) as atrações terão como espaço o Palco A, com início às 20 horas. Já no sábado (20), além desse horário, também haverá uma programação anterior (às 19 horas) no Palco B. A Semana da Cultura será concluída no domingo (21) com início um pouco mais cedo, às 19h30. 

A programação da 37ª Semana da Cultura Bruno e Maria Enei foi pensada com classificação de indicação livre, para todas as idades. “A proposta é que famílias e grupos venham aos nossos espaços culturais e se encantem com toda a programação, muito especial, pensada dentro dos 200 anos de Ponta Grossa”, finaliza o secretário.

Concha acústica recebe a abertura da Semana da Cultura
SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA
Pular para o conteúdo Secured By miniOrange