Ponta Grossa sedia 3º Encontro de Cultura do Interior do Paraná


Evento acontece nos dias 20, 21 e 22 deste mês e reunirá representantes de todo Estado

Ponta Grossa sedia, entre os dias 20 e 22 deste mês, o 3º Encontro de Cultura do Interior do Paraná. Durante os três dias, gestores e gestoras culturais de todo o Estado estarão na cidade para discutir questões relacionadas ao segmento cultural. A realização é da Rede de Cultura do Interior do Paraná (RECIP), AMCG Cultura e Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. O evento conta ainda com apoio da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná e Ministério da Cultura.
Esta é a primeira vez que a cidade sedia o Encontro de Cultura do Interior do Paraná. Na oportunidade, gestores e gestoras de cultura dos municípios do interior se reúnem para debater e fortalecer as políticas públicas do setor. O secretário municipal de Cultura de Ponta Grossa e coordenador da AMCG Cultura, Alberto Portugal, destaca que o segmento cultural da cidade está muito honrado em receber o evento. 

O secretário Alberto Portugal explica que o encontro busca o fortalecimento das políticas públicas de cultura. Para isso, durante os três dias, os gestores vão discutir e aprimorar conhecimentos e práticas na gestão, além de trocar informações sobre o que cada um vem fazendo em seus municípios e regiões. 

O evento, segundo o secretário, também servirá para mostrar o que os Campos Gerais do Paraná têm de potência cultural. “Estamos prontos para ser anfitriões do maior encontro desse segmento e colorir nossa cidade de bandeiras dos municípios que batalham pela consolidação e afirmação das artes, da memória, do patrimônio e da cultura”, destaca. Alberto Portugal também aproveita para convidar todos os gestores e gestoras de cultura para que se inscrevam. “Ponta Grossa espera a todos e todas de portas abertas”, finaliza. 

A programação acontece em dois locais. Nos dias 20 e 22 será realizada no pátio do Centro da Música. Já no dia 21, os participantes se reúnem no Cine-Teatro Ópera. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas de forma on-line no endereço https://recippr.wordpress.com/iii-encontro-de-cultura-do-interior-do-parana/. As vagas são limitadas.

Fóruns Setoriais definirão prioridades para a 24ª Conferência Municipal de Cultura

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, e o Conselho Municipal de Política Cultural realizam, no dia 15 deste mês, os Fóruns Setoriais de Cultura de Ponta Grossa. Todas as atividades serão concentradas no espaço da Biblioteca Pública Municipal, a partir das 19 horas.

          Os fóruns antecedem a realização da 24ª Conferência Municipal de Cultura de Ponta Grossa, que será realizada nos dias 27 e 28 de maio, a partir das 19 horas, no Cine-Teatro Ópera. O objetivo é reunir representantes de diversos segmentos da cultura, como artesãos, artistas, pesquisadores de cultura e produtores de cultura, que atuam no município, para que apresentem suas prioridades. Essas serão, então, levadas para a Conferência.

          O secretário municipal de Cultura de Ponta Grossa, Alberto Portugal, diz que, durante o evento, será feita a apresentação das ações realizadas durante a atual gestão, com vistas ao panorama cultural do Município. Também destaca a importância da participação de representantes de todos os segmentos culturais. “Esta fase preparatória é muito importante para o sucesso da Conferência dos dias 27 e 28, pois o objetivo é promover discussões sobre questões referentes à Política Cultural do Município”, explica.

          Ainda de acordo com Alberto Portugal, a Secretaria de Cultura tem como função atender às demandas do setor cultural da cidade, além de administrar, junto ao Conselho, o Fundo Municipal de Cultura. “Nossa função é a de criar e manter um ambiente de cooperação e parceria para o desenvolvimento da atividade cultural, com a formação e aperfeiçoamento de artistas, técnicos e promotores e ampliação do mercado, possibilitando o estabelecimento e o desenvolvimento da atividade econômica relacionada à cultura, gerando emprego e renda, com a difusão das artes e a fruição dos bens culturais pela população”, finaliza.

Prefeitura abre edital do Programa

Municipal de Incentivo a Cultura

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), e o Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC) instituíram o edital que regulamenta o Programa Municipal de Incentivo Fiscal à Cultura (Promific-2023). O objetivo é atender às políticas culturais aprovadas nas Conferências Municipais de Cultura e estabelecidas pelo Plano Municipal de Cultura. Os proponentes selecionados estarão aptos a captar os recursos junto a pessoas físicas e empresas locais, que podem destinar até 60% do valor do IPTU para os projetos aprovados.

Através do Promific, busca-se facilitar à comunidade o acesso aos bens e espaços artísticos e culturais, assim como às atividades desenvolvidas na área da cultura. Com esse apoio, é possível incentivar a produção, difusão e circulação, de forma descentralizada, de bens culturais ponta-grossenses, além de estimular o desenvolvimento cultural de Ponta Grossa, entre outros objetivos.

“O Promific é uma iniciativa importante para fortalecer e incentivar a cultura de Ponta Grossa, pois permite que artistas das mais diversas áreas tenham a estrutura necessária para desenvolverem seus projetos e apresentá-los para a comunidade”, destaca o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal.

Podem se inscrever os agentes culturais domiciliados ou estabelecidos em Ponta Grossa há no mínimo dois anos. Serão selecionados projetos culturais nas seguintes áreas: Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual, Literatura, Livro e Leitura e Música. O Programa também abrange o Patrimônio Cultural Material e Imaterial; Povos, Comunidades Tradicionais e Culturas Populares.

O Promific deverá contemplar 21 projetos no valor de R$ 536 mil reais divididos entre os projetos. O edital, na íntegra, está na página do Programa, no site da SMC https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/promific/. O prazo de inscrição, desta vez, é o mais amplo já oferecido. Os agentes culturais podem se inscrever até dia 5 de janeiro de 2024.

Ao longo de suas quatro edições, o programa já beneficiou mais de 60 projetos culturais de Ponta Grossa.

Edital do Promific está disponível no site da SMC

Prefeitura lança edital para audiovisuais

Objetivo é apoiar produções locais através da Lei Paulo Gustavo

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, lança edital de apoio a produções de obras audiovisuais locais através da Lei Complementar 195/2022, do Governo Federal (Lei Paulo Gustavo). O objetivo é apoiar financeiramente produtores, artistas e técnicos do setor audiovisual do município, no fomento da criação local de produtos audiovisuais e incentivar o desenvolvimento do setor e dos profissionais desse segmento. Os projetos deverão prever obras inéditas de temática livre.

Edital de audiovisual lançado através da Secretaria Municipal de Cultura

Os interessados podem acessar o edital através do endereço eletrônico https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/lpg-2/ no site da Secretaria Municipal de Cultura (SMC) para maiores informações. O prazo das inscrições vai até o dia 5 de novembro.

Na realização do edital, se buscou assegurar as medidas de democratização, desconcentração, descentralização e regionalização do investimento cultural, com a implementação de ações afirmativas. “As condições para a execução da Lei Paulo Gustavo, em Ponta Grossa, foram criadas com o engajamento da sociedade, por meio de consultas públicas, questionários e oitivas com os agentes culturais e demais interessados”, conforme explica o diretor do Departamento de Cultura da SMC, Carlos Phantasma.


 O edital contempla a produção de obras audiovisuais nos formatos: médias-metragens, curtas-metragens, programa cultural televisivo ou para Web, websérie, alpha de jogo, videoclipes e vídeos curtos gravados e editados em celular.
 Podem se inscrever no edital qualquer agente cultural pessoa física ou jurídica, maior de 18 anos, domiciliado no município de Ponta Grossa há pelo menos 6 meses.


Serão selecionados:

– 12 projetos de R$70.000,00 – Médias-metragens, programa cultural televisivo ou para web, websérie alpha de jogo;

– 9 projetos de R$ 40.000,00 – Curtas-metragens;

– 14 projetos de R$ 8.000,00 – Videoclipes;

– 9 projetos de R$ 3.000,00 – Vídeos curtos gravados e editados em celular.

Fotos das últimas consultas públicas

Registros das últimas consultas públicas sobre a Lei Paulo Gustavo, nos dias 12 e 13 de junho. Agentes culturais de música, audiovisual, literatura, dança e artes visuais conversaram com a equipe da Secretaria Municipal de Cultura sobre seus segmentos.

Prefeitura realiza nova Consulta Pública para a aplicação da Lei Paulo Gustavo

    A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, realiza mais uma consulta pública para a aplicação da Lei Paulo Gustavo. A consulta acontece nos dias 13 e 14 deste mês (terça e quarta-feira), a partir das 18 horas, no Cine-Teatro Ópera, e é voltada aos produtores culturais interessados. O objetivo é coletar sugestões para um plano prévio de encaminhamento das propostas de financiamento de projetos artísticos culturais através da respectiva lei.

            Para o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, a realização da consulta pública é de fundamental importância para que as propostas sejam construídas com a participação de todo o setor, de forma a atender todas as necessidades do meio artístico local.

            Na terça (dia 13), a partir das 18 horas, a consulta é voltada para o setor de música e a partir das 20 horas para audiovisual. Na quarta (dia 14), a partir das 18 horas, literatura, dança e artes visuais e às 20 horas, aos demais segmentos.            

            A Lei Paulo Gustavo foi criada para apoiar o setor artístico-cultural, fortemente afetado pela pandemia da Covid-19. No ano passado, o Congresso promulgou lei complementar que estende os benefícios para este e os próximos anos.   

Concurso definirá propostas culturais de Ponta Grossa

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), e o Conselho Municipal de Política Cultural, lançou edital que regulamenta o concurso cultural que definirá as propostas culturais de circulação, formação e produção de realizações artístico-culturais com recursos do Fundo Municipal de Cultura. O lançamento do edital atende as políticas culturais do Município, aprovadas nas Conferências Municipais de Cultura e estabelecidas pelo Plano Municipal de Cultura, pela Lei no 13.026/2017. 

“Nosso objetivo é estimular e divulgar a criação, pesquisa e produção de empreendedores culturais, artistas e produtores residentes em Ponta Grossa. Além disso, buscamos a formação de agentes culturais e de plateia, além de homenagear e valorizar a história do município, de seus fundadores e dos seus habitantes. Assim, presentear a população com trabalhos de valor histórico, artístico e cultural, como parte das comemorações dos 200 Anos de Ponta Grossa”, destaca o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal.

Podem concorrer ao presente edital, pessoas físicas ou jurídicas moradoras ou sediadas em Ponta Grossa por, no mínimo, 6 meses. Os interessados devem ter mais de 18 anos ou serem emancipadas. A proposta contempla várias expressões artísticas e culturais e suas áreas, tais como artes cênicas, artes visuais, audiovisual, literatura, livro e leitura, música, patrimônio cultural (material e imaterial), povos, comunidades tradicionais e culturas populares.

O edital abrange três grupos de realizações artístico-culturais: 

Categoria 1: propostas no valor de R$ 12.000,00; 

Categoria 2: propostas no valor de R$ 8.000,00; 

Categoria 3: propostas no valor de R$ 5.000,00. 

O edital foi definido pelo Conselho Municipal de Política Cultural. Os prêmios são provenientes do Fundo Municipal de Cultura. Serão premiadas até 21 propostas em cada categoria. As inscrições estão abertas até as 23h59 de 16 de julho, através de formulário online disponível no site da SMC: cultura.pontagrossa.pr.gov.br/editais/2023-2. As informações completas estão disponíveis no edital: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/wp-content/uploads/2023/06/Edital-011-2023-concurso-para-propostas-culturais.pdf.

Conferência Municipal escolhe novos conselheiros e mostra a dinâmica da área em Ponta Grossa

A 23ª Conferência Municipal de Cultura, realizada no início dessa semana (dias 29 e 30) definiu os nomes dos novos conselheiros do Conselho Municipal de Políticas Culturais (CMPC). O evento reuniu representantes de todos os segmentos artísticos culturais da cidade no Cine-Teatro Ópera e serviu também para mostrar o que tem sido feito nesse segmento em Ponta Grossa e para a apresentação de propostas. 

O objetivo da Conferência, segundo o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, foi de “fortalecer o diálogo com os fazedores de cultura do município, além de levantar propostas para a construção de políticas públicas mais eficazes e, assim, fortalecer ainda mais a cultura ponta-grossense”. O propósito também é de atender toda a comunidade de Ponta Grossa, a partir de propostas que possam aproximar cada vez mais as produções culturais da população.

A Conferência deste ano teve um formato diferente, uma vez que as proposições foram encaminhadas com antecipação por formulário digital. A partir do recebimento, o Conselho Municipal de Política Cultural compilou todas as propostas, sintetizando as similares. “O objetivo foi otimizar o tempo da Conferência ao juntar proposições iguais”, explica o secretário. 

Na primeira noite aconteceu a abertura da exposição ‘Múltiplas Cenas’ e uma apresentação da Orquestra Sinfônica de Ponta Grossa. O secretário Municipal de Cultura (SMC) e presidente do CMPC, Alberto Portugal, fez a prestação de contas das atividades da Secretaria. Ele destacou o incremento das atividades ao longo dos primeiros 879 dias de atuação da atual gestão. Nesse período, o foco se deu sobre cinco premissas centrais: Patrimônio Cultural; Fomento, Incentivo e Apoio; Fortalecimento dos Setores; Lazer, Entretenimento e Alegria; e Pesquisa, Educação Cultural e Inclusão. 

O secretário apresentou um mapa com a espacialização das ações culturais dentro e fora do centro da cidade, bem como a constituição de futuros polos de difusão cultural. Também explicou como funciona o orçamento do setor da Cultura, o Planejamento Estratégico de 2023 e a distribuição desses recursos no ano passado. Entre os pontos abordados pelo secretário, destacam-se a reestruturação de unidades culturais; apoio fomento e incentivo à cultura; eventos culturais; geração e manutenção de bolsas em trabalho cultural; realizações de ações descentralizadas; eventos de entretenimento, manutenção de programas, folhas de pagamento, apoio a ações de terceiros – públicas, gratuitas e com objetivo cultural.

Durante a prestação de contas, o secretário Alberto Portugal também lembrou que Ponta Grossa faz parte do grupo das sete maiores cidades do Paraná. Também se ocupa uma vaga no Conselho Estadual de Cultura (Consec), AMCG e do fórum estadual de Gestores de Cultura. Depois, detalhou todas as atividades realizadas pela Secretaria.

NOVOS CONSELHEIROS

Durante a 23ª Conferência Municipal de Cultura foram apresentadas diversas propostas para o setor cultural e eleitos os novos conselheiros para o próximo biênio. Foram escolhidos: Wilton Correa Paz (Artes Visuais), Ana Cláudia Ferreira Gambassi (Teatro e Circo), Maria Luíza Cavasoti (Artes Populares), Victor Emmanuel Carbonar (LGBTQIAP+), Aymê Alves (Afro brasilidades e Povos Originários), Pamela Schamne (Dança), Everson Pontes (Carnaval), Thaís Cristina dos Santos (Audiovisual), Julia Margarida Kalva (Literatura) e Álvaro Bueno (Música).

23ª Conferência Municipal de Cultura acontece nos dias 29 e 30 deste mês

Será realizada dias 29 e 30 deste mês a 23ª Conferência Municipal de Cultura, no Cine-Teatro Ópera. Nos dois dias, as atividades iniciam às 20 horas. A promoção é do Conselho Municipal de Política Cultural, através da Secretaria Municipal de Cultura.

O objetivo da Conferência, segundo o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, é “fortalecer o diálogo com os fazedores de cultura do município, além de levantar propostas para a construção de políticas públicas mais eficazes e, assim fortalecer ainda mais a cultura ponta-grossense”. O propósito das atividades visa atender, também, toda a comunidade de Ponta Grossa, a partir de propostas que aproximem cada vez mais as produções culturais da população.

A Conferência deste ano tem um formato diferente, uma vez que as proposições devem ser encaminhadas com antecipação por formulário digital. A partir do recebimento, o Conselho Municipal de Política Cultural vai compilar todas as propostas, sintetizando as similares. “O objetivo é otimizar o tempo da Conferência ao juntar proposições iguais”, explica o secretário. 

As proposições devem ser enviadas, necessariamente, até o dia 29 no endereço: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/formularios/propostas_conferencia_de_cultura#overlay-context=user/182

CENSO CULTURAL

  A Conferência Municipal de Cultura é anual e de dois em dois anos elege os novos conselheiros. Para se candidatar a uma das vagas de conselheiro é preciso se inscrever no Censo Cultural até o dia 27 e estar presente na conferência no dia 29. Também é obrigatório responder ao Censo para poder votar. 

O cadastro e participação no Censo Cultural de 2023 deve ser feito no site da Secretaria de Cultura, no endereço: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/censo-cultural-2/. Mesmo quem preencheu o censo anterior deve participar desse novo banco de dados.

SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA
Pular para o conteúdo Secured By miniOrange