Circuito Arte e Rua movimenta a cidade no final de semana

Artistas e expressões culturais de diferentes vertentes movimentam Ponta Grossa no próximo final de semana. Sábado e domingo (29 e 30) o espaço da Feira do Produtor, na Rua Benjamin Constant, será palco da 3ª edição do Circuito Arte e Rua. A promoção é da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. 

O circuito é voltado para as mais diversas manifestações urbanas de arte de rua. O objetivo é reunir as diferentes expressões. Devem participar grafiteiros, artistas de hip-hop, com batalha de rima e break, entre outros. Também haverá oficina de lambe-lambe, técnica de intervenção urbana com papel. Está confirmada, ainda, a participação do grupo ‘Varal das Mina’, que é formado por mulheres que trabalham com brechó (alguns só online). No evento, elas têm a oportunidade de expor pessoalmente, estimulando o consumo consciente. 

“Nós acreditamos que, com esses eventos, podemos oferecer mais suporte e mais atenção às expressões de arte de rua e, assim, garantir que essas manifestações tenham espaço pra acontecer”, explica o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal. 

Grafite 

Jackson Paes, responsável pela organização dos grafiteiros, diz que está bastante empolgado com o evento. Foram convidados vários artistas, com a proposta de conectar a todos. “Será uma oportunidade para se conhecerem, trocar experiências e estimular, principalmente, os mais novos, para que continuem e se desenvolvam ainda mais. Os artistas ficaram bastante felizes”, destaca. Na parte da manhã, segundo Jackson, será realizado um ‘café com arte’, evento que deve contar com artistas de outras cidades para trocar informações e experiências. As pinturas começam no sábado à tarde com a temática central sendo os 200 anos de Ponta Grossa, mas não apenas essa. Haverá espaço para temas livres, também. Devem ser pintadas as pilastras da feira, escadarias e paredes. 

Música

No segmento musical, o rapper Ismael Alves dos Santos, o Gueg, organizador, explica que estão abrindo espaços para artistas diversos, com uma excelente grade de programação para todos os elementos culturais, como dança e música. Ele destaca a realização da ‘Batalhas dos 300’ (batalha de rimas), com inscrições gratuitas. Estão confirmados 16 competidores. A primeira fase está marcada para sábado, a partir das 16 horas. As finais acontecem no domingo, com início marcado para as 14 horas. Gueg destaca ainda a realização de performance de breaking, com B.Gilr Sher e B.Boy Koringa; e do DJ Banga, nos toca-discos, com repertório próprio.

Lambe-lambe

Na oficina desse final de semana, Christian Lucas vai mostrar um pouco sobre a técnica do lambe-lambe. “Esse suporte, de colar papel na superfície da cidade, traz muitas possibilidades para se pensar a paisagem urbana e a arte contemporânea. Na minha opinião, a arte de rua é a forma mais democrática de manifestação cultural. Ela pega um público espontâneo, na sua rotina, na sua transição de um espaço para o outro”, explica. Christian diz que acha incrível a gestão municipal criar estratégias para fomentar esse tipo de cultura em Ponta Grossa. “Sem dúvida, a Secretaria Municipal de Cultura tem realizado um incrível trabalho no cenário cultural da cidade”, comenta.

Varal das Mina

O Varal das Mina é um coletivo de empreendedorismo feminino que busca difundir a cultura do consumo consciente e moda sustentável pela economia circular. Através da iniciativa, o público encontra vários brechós, com peças de excelente qualidade e preços acessíveis, além de plantas, produtos aromáticos e essências naturais. Hoje conta com mais de 100 participantes. “Buscamos ressignificar o consumo prolongando, a vida útil de peças, através do slow fashion e do reuso de roupas que já estão aí. Assim, ajudamos o meio ambiente e na redução de lixo têxtil”, explica Rafaela Andrejezieski, representante do coletivo. No Circuito Arte e Rua, em torno de 40 participantes vão expor. Para ela, o convite para o Circuito Arte e Rua mostra que a união de vários segmentos é o caminho para atingir um público maior e mostrar seus trabalhos.

Serviço

No sábado, a programação inicia às 13h e vai até as 22h. Já no domingo, começa às 9h com encerramento previsto para as 15h.

As inscrições para participação na oficina de lambe-lambe são gratuitas e podem ser feitas de forma on-line através do endereço  https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/formularios/oficina_lmbe_lambe

SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA
Secured By miniOrange