Mostra Competitiva do Setembro em Dança apresenta o Estilo Livre

Apresentações acontecem a partir das 19h30 desta quarta-feira, na Cidade da Dança

            O Estilo Livre será a atração desta quarta-feira na Mostra Competitiva do ‘Setembro em Dança – Festival Nacional de Dança de Ponta Grossa’. As apresentações acontecem a partir das 19h30 na ‘Cidade da Dança’, instalada ao lado do Conservatório de Música Maestro Paulino. Durante todo o dia também continuam as oficinas e workshops, além da Mostra Aberta. A promoção do Festival é da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura e nesta edição também faz parte da programação dos 200 anos de Ponta Grossa.

            O Estilo Livre tem 24 inscritos que se apresentarão no palco da Cidade da Dança. O corpo de jurados vai contar com Márcia Angeli (Maringá), Alex Siqueira (São Paulo) e Fernando Lima (Joinville). A Mostra Competitiva já teve o gênero Ballet, na segunda-feira (dia 26) e Dança Contemporânea, na terça-feira (dia 27). A programação será concluída amanhã, com o gênero Jazz.

            Paralelamente, continua a Mostra Aberta, que nesta quarta-feira tem apresentações no palco do Lago de Olarias, a partir das 16 horas. Na quinta-feira, volta para o palco do Calçadão da Coronel Cláudio, a partir das 10h30.

Oficinas e workshops

            Veja abaixo a programação das oficinas e workshops disponíveis para quarta e quinta.

Quarta-feira (dia 27)

– Técnico em Floorwork, com Fábio Alcântara, às 8 horas, no Centro de Cultura;

– Jazz Dance, com Alex Siqueira, às 10h30, no Centro de Cultura;

– Contemporâneo, com Fernando Lima, às 14 horas, no Centro de Cultura;

– Jazz Lyrical, com Alex Siqueira, às 16 horas, na Cidade da Dança;

– Clássico Juvenil, com Márcia Angeli, às 16h30, no Centro de Cultura.

Quinta-feira (dia 28)

– Universo do Jazz, com Fernando Lima, às 14 horas, no Centro de Cultura;

– Produção de espetáculo para academia, com Márcia Angeli, às 16 horas, na Cidade da Dança.

A participação é gratuita. Mais informações podem ser obtidas no site da Secretaria Municipal de Cultura: https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br.

Festival Setembro em Dança tem a segunda noite da Mostra Competitiva

Programação intensa também prossegue com a Mostra Paralela, oficinas e workshops

            O ‘Setembro em Dança – Festival Nacional de Dança de Ponta Grossa’ traz nesta terça-feira (dia 26) a segunda noite da Mostra Competitiva e mais apresentações da Mostra Aberta, além da realização de oficinas e workshops. A promoção do Festival é da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura e nesta edição também faz parte da programação dos 200 anos de Ponta Grossa.

            A Mostra Competitiva iniciou ontem (dia 25) com 24 apresentações do gênero Ballet. Hoje (dia 26) é a vez do gênero Contemporâneo, com 18 apresentações. O júri contará com Fábio Alcântara e Alex Siqueira, de São Paulo, e Márcia Angeli, de Maringá. Amanhã, dia 27, será a vez do gênero Livre. Toda Mostra Competitiva acontece na ‘Cidade da Dança’, instalada ao lado do Conservatório de Música Maestro Paulino, sempre a partir das 19h30.

            A Mostra Paralela estará no Calçadão da Coronel Cláudio, a partir das 10h30 dessa terça. Amanhã, quarta-feira, as apresentações acontecem novamente no Lago de Olarias, a partir das 16 horas.

Oficinas e workshops

            Veja abaixo a programação das oficinas e workshops disponíveis para terça e quarta. A participação é gratuita:

Terça-feira (dia 26)

– Barra Solo, com Márcia Angeli, às 10 horas, no Centro de Cultura;

– Vivência Workshop, com Júlia del Bianco, às 13h30, na Cidade da Dança;

– Contemporâneo, com Fábio Alcântara, às 14 horas, no Centro de Cultura;

– Ballet Avançado, com Danilo Fontineli, às 16h30, no Centro de Cultura.

Quarta-feira (dia 27)

– Técnico em Floorwork, com Fábio Alcântara, às 8 horas, no Centro de Cultura;

– Jazz Dance, com Alex Siqueira, às 10h30, no Centro de Cultura;

– Contemporâneo, com Fernando Lima, às 14 horas, no Centro de Cultura;

– Jazz Lyrical, com Alex Siqueira, às 16 horas, na Cidade da Dança;

– Clássico Juvenil, com Márcia Angeli, às 16h30, no Centro de Cultura.

LEGENDA: As apresentações têm levado diversos estilos para os palcos do Festival

Casa do Artesão realiza oficina para o Dia dos Pais

            A Casa do Artesão de Ponta Grossa realiza, no próximo sábado (dia 5), a ‘Oficina de Dia dos Pais’  de produção artesanal. A atividade acontece na Concha Acústica, das 10h às 12h. A promoção conta com apoio da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no local e momentos antes do início. As vagas são limitadas.

            Conforme explica a presidente da Casa do Artesão, Maria Luíza Côrtes Cavazotti, o objetivo é promover o conhecimento do artesanato em suas várias vertentes. Nesse curso, os participantes aprenderão, entre outras, técnicas de produção de pequenas frases grafadas em tábuas em homenagem aos pais.

            O secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, destaca a importância dessa e outras oficinas que são realizadas pela associação. “O artesanato é uma expressão cultural e estamos trabalhando em conjunto com a Casa do Artesão por acreditar que ela oportuniza a geração de renda, a economia criativa e a manifestação artística de toda comunidade”, explica.

Biblioteca Pública apresenta programação de férias

A Biblioteca Pública Municipal Professor Bruno Enei realiza, de 17 a 22 de julho, o projeto “Férias na Biblioteca 2023”. Durante toda a semana, a comunidade contará com diversas ações para animar a tarde das crianças e também dos adultos. A promoção é da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura, e faz parte das programações dos 200 anos de Ponta Grossa. 

As atividades contam, também, com parceria da Universidade Estadual de Grossa (UEPG), através da Diretoria de Assuntos Culturais (DAC) da Pró-Reitoria de Extensão (Proex). A programação conta ainda com a participação da Cosmopolita Nerd.

A participação é gratuita e não precisa de inscrição antecipada. O projeto vai envolver ações como contação de histórias, oficina de k-pop (estilo musical coreano), oficina de videogames, workshop de maquiagem artística, workshop de desenho, exibição de anime, entre outros. As atividades acontecerão diariamente, entre 13h30 e 17h30. 

Em princípio, as atividades são voltadas principalmente para o público infantil. “Mas é aberta à população ponta-grossense, então serão para todas as idades. Até porque muitas crianças virão com avós, pais ou tutores”, explica a bibliotecária Bruna Cristina Bonini. Ela lembra, também, que o objetivo é mostrar que a Biblioteca, além do encantamento que traz pela leitura, encanta através das atividades que proporciona com esses encontros.

PROGRAMAÇÃO

Dia 17 (Segunda-feira): Contação de histórias e brincadeiras.

Dia 18 (Terça-feira): Conselho Jedi – Oficina de origami, oficina de musicalização para crianças e dança circular infantil. 

Dia 19 (Quarta-feira): Contação de histórias e brincadeiras.

Dia 20 (Quinta-feira): Oficina de desenho e máscaras.

Dia 21 (Sexta-feira): Contação de histórias e brincadeiras.

Dia 22 (Sábado): Oficina de k-pop para jovens, workshop de maquiagem artística, oficina de videogames (laboratório), workshop de desenho, exibição de anime, cosplay, quis, cardgame e boardgame. 

SERVIÇO

Biblioteca Pública Municipal Professor Bruno Enei – Rua Frederico Wagner, nº 100. Olarias. 

Telefone: 3220-1000 (Ramais 2049 e 2050).

Casa do Artesão realiza oficina para o Dia das Mães

A Casa do Artesão de Ponta Grossa realiza, no próximo sábado (dia 6), a ‘Oficina do Dia das Mães’  de produção artesanal. A atividade acontece na Concha Acústica, das 10h às 12h. A promoção é da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no local e momentos antes do início. As vagas são limitadas. 

Conforme explica a presidente da Casa do Artesão, o objetivo é promover o conhecimento do artesanato em suas várias vertentes. Nesse curso, os participantes aprenderão técnicas de confecção de porta pano de prato, colar de feltro e filtro dos sonhos. A participação é livre para qualquer faixa etária. 

O secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, destaca a importância dessa e outras oficinas realizadas. “O artesanato é uma expressão cultural e estamos trabalhando em conjunto com a Casa do Artesão por acreditar que a Associação, que existe há mais de 30 anos, oportuniza a geração de renda, a economia criativa e a manifestação artística de toda comunidade”, explica. 

Circuito Arte e Rua movimenta a cidade no final de semana

Artistas e expressões culturais de diferentes vertentes movimentam Ponta Grossa no próximo final de semana. Sábado e domingo (29 e 30) o espaço da Feira do Produtor, na Rua Benjamin Constant, será palco da 3ª edição do Circuito Arte e Rua. A promoção é da Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura. 

O circuito é voltado para as mais diversas manifestações urbanas de arte de rua. O objetivo é reunir as diferentes expressões. Devem participar grafiteiros, artistas de hip-hop, com batalha de rima e break, entre outros. Também haverá oficina de lambe-lambe, técnica de intervenção urbana com papel. Está confirmada, ainda, a participação do grupo ‘Varal das Mina’, que é formado por mulheres que trabalham com brechó (alguns só online). No evento, elas têm a oportunidade de expor pessoalmente, estimulando o consumo consciente. 

“Nós acreditamos que, com esses eventos, podemos oferecer mais suporte e mais atenção às expressões de arte de rua e, assim, garantir que essas manifestações tenham espaço pra acontecer”, explica o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal. 

Grafite 

Jackson Paes, responsável pela organização dos grafiteiros, diz que está bastante empolgado com o evento. Foram convidados vários artistas, com a proposta de conectar a todos. “Será uma oportunidade para se conhecerem, trocar experiências e estimular, principalmente, os mais novos, para que continuem e se desenvolvam ainda mais. Os artistas ficaram bastante felizes”, destaca. Na parte da manhã, segundo Jackson, será realizado um ‘café com arte’, evento que deve contar com artistas de outras cidades para trocar informações e experiências. As pinturas começam no sábado à tarde com a temática central sendo os 200 anos de Ponta Grossa, mas não apenas essa. Haverá espaço para temas livres, também. Devem ser pintadas as pilastras da feira, escadarias e paredes. 

Música

No segmento musical, o rapper Ismael Alves dos Santos, o Gueg, organizador, explica que estão abrindo espaços para artistas diversos, com uma excelente grade de programação para todos os elementos culturais, como dança e música. Ele destaca a realização da ‘Batalhas dos 300’ (batalha de rimas), com inscrições gratuitas. Estão confirmados 16 competidores. A primeira fase está marcada para sábado, a partir das 16 horas. As finais acontecem no domingo, com início marcado para as 14 horas. Gueg destaca ainda a realização de performance de breaking, com B.Gilr Sher e B.Boy Koringa; e do DJ Banga, nos toca-discos, com repertório próprio.

Lambe-lambe

Na oficina desse final de semana, Christian Lucas vai mostrar um pouco sobre a técnica do lambe-lambe. “Esse suporte, de colar papel na superfície da cidade, traz muitas possibilidades para se pensar a paisagem urbana e a arte contemporânea. Na minha opinião, a arte de rua é a forma mais democrática de manifestação cultural. Ela pega um público espontâneo, na sua rotina, na sua transição de um espaço para o outro”, explica. Christian diz que acha incrível a gestão municipal criar estratégias para fomentar esse tipo de cultura em Ponta Grossa. “Sem dúvida, a Secretaria Municipal de Cultura tem realizado um incrível trabalho no cenário cultural da cidade”, comenta.

Varal das Mina

O Varal das Mina é um coletivo de empreendedorismo feminino que busca difundir a cultura do consumo consciente e moda sustentável pela economia circular. Através da iniciativa, o público encontra vários brechós, com peças de excelente qualidade e preços acessíveis, além de plantas, produtos aromáticos e essências naturais. Hoje conta com mais de 100 participantes. “Buscamos ressignificar o consumo prolongando, a vida útil de peças, através do slow fashion e do reuso de roupas que já estão aí. Assim, ajudamos o meio ambiente e na redução de lixo têxtil”, explica Rafaela Andrejezieski, representante do coletivo. No Circuito Arte e Rua, em torno de 40 participantes vão expor. Para ela, o convite para o Circuito Arte e Rua mostra que a união de vários segmentos é o caminho para atingir um público maior e mostrar seus trabalhos.

Serviço

No sábado, a programação inicia às 13h e vai até as 22h. Já no domingo, começa às 9h com encerramento previsto para as 15h.

As inscrições para participação na oficina de lambe-lambe são gratuitas e podem ser feitas de forma on-line através do endereço  https://cultura.pontagrossa.pr.gov.br/formularios/oficina_lmbe_lambe

Prefeitura promove 3ª edição do Circuito Arte Rua

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, realiza, nos dias 29 e 30 deste mês (sábado e domingo), a 3ª edição do Circuito Arte Rua. O evento acontece no espaço da Feira do Produtor, na rua Benjamin Constant, centro.

No sábado, a programação inicia às 13h e vai até as 22h. Já no domingo, começa às 9h com encerramento previsto para as 15h. O circuito é voltado para as mais diversas manifestações urbanas de arte de rua. O objetivo é reunir as expressões. Devem participar grafiteiros, artistas de hip-hop, com batalha de rima e break, entre outros. Também haverá oficina de lambe (técnica de colagem de pôsteres e cartazes produzidos para serem afixados na rua, em muros ou outros espaços).

Também está confirmada a participação do grupo ‘Varal das Mina’, que é formado por mulheres que trabalham com brechó (alguns só online). No evento, elas têm a oportunidade de expor pessoalmente, estimulando o consumo consciente.

“Nós acreditamos que, com esses eventos, conseguimos institucionalizar um pouco a participação dos artistas de rua nas ações oficiais promovidas pela Cultura no município. Essa integração é muito importante para levantar um panorama da arte urbana”, explica o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal.

As inscrições para participação na oficina de lambe-lambe estão disponíveis clicando aqui.

Prefeitura inaugura o Centro de Criatividade

A Prefeitura de Ponta Grossa inaugurou, nesta quinta-feira (30), o Centro de Criatividade, espaço dedicado ao desenvolvimento de atividades e projetos culturais da comunidade. A nova unidade cultural fica localizada na antiga sede da banda Lyra dos Campos, em frente a Praça do Expedicionário. 

“A democratização e difusão cultural são essenciais para que continuemos avançando e para que a comunidade tenha, cada vez mais, acesso aos materiais produzidos por este setor tão importante da nossa cidade. A inauguração deste Centro de Criativa é mais um passo em direção ao fortalecimento e ao reconhecimento que nossos artistas,  de hoje e do futuro, merecem.  Fico extremamente feliz com esse novo espaço e reforço o compromisso de seguirmos atuantes no fomento à cultura da nossa cidade”, destaca a prefeita Elizabeth Schmidt. 

De acordo com o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, a revitalização do local busca oferecer uma espécie de oficina criativa dividida em dois amplos ambientes para a população. Ele também conta  que todos os materiais e itens que se encontram no local foram recuperados e reaproveitados, ganhando novas aparências e finalidades. 

“Nosso principal objetivo é oferecer um local propício para o desenvolvimento de projetos, cursos, rodas de discussão, reuniões alternativas, entre outros, utilizando o  conceito criativo que envolve o reaproveitamento e ressignificação de materiais e utilizados e disponibilizados no prédio, que já abrigou a banda Lyra dos Campos e é um importante marco na paisagem central do Município”, aponta. 

O Centro de Criatividade é chancelado pelo ecossistema ‘Vale dos Trilhos’, projeto do Município voltado para o desenvolvimento de atividades de inovação. 

Em breve devem ser abertas agendas de cursos e de utilização dos espaços pelos grupos interessados.

Da Assessoria

Prefeitura oferece Oficinas de Artes Visuais gratuitas

Estão abertas as inscrições para Oficinas de Artes Visuais da Prefeitura de Ponta Grossa, ofertadas através da Secretaria Municipal de Cultura. O projeto é gratuito e aberto para todas as idades. As atividades tiveram início neste mês e seguem até o final do ano no espaço do Ponto Azul.

De acordo com Mariângela Digiovanni, gerente do setor de Artes Visuais da Secretaria Municipal de Cultura, e responsável pelo projeto, as oficinas vão trabalhar com tinta guache sobre papel, composição de cores e leituras de obras que desenvolvam a percepção sobre arte. Também são programadas visitas à exposições. “Oferecemos, com essas atividades, a oportunidade das pessoas conhecerem mais sobre arte e desenvolveram suas habilidades e criatividade”, destaca o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal.

São duas possibilidades de horários: quartas-feiras, das 14h às 16h, ou sextas-feiras, das 9h às 11h. As inscrições podem ser feitas diretamente no Ponto Azul ou através do site da Secretaria, no endereço: https://forms.gle/HBmZSLj31krjxS6w8.

Oficina esclarecerá dúvidas sobre editais de cultura

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, retomou nessa terça-feira (dia 14), o projeto ‘Cultura é Mercado’ com a oficina ‘Edital não é um bicho de sete cabeças’. O evento acontece no Cine-Teatro Ópera, a partir das 18h30 e é aberto a todos os produtores e agentes culturais interessados. 

O projeto ‘Cultura é Mercado’ “tem o objetivo de capacitar o setor cultural para trabalhar com editais, tendo uma oficina por mês para os interessados”, explica o secretário Municipal de Cultura, Alberto Portugal. Nesta edição serão abordadas questões relativas às formas de participação dos editais, lembrando aos produtores e agentes que há possibilidades atuais que devem ser conhecidas, como as leis ‘Aldir Blanc’ e ‘Paulo Gustavo’, além do Programa Municipal de Incentivo Fiscal à Cultura (Promific) e o Programa de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice), do Governo do Estado. 

O diretor do Departamento de Cultura da Secretaria, Carlos Phantasma, explica que a equipe que dará a oficina tentará esclarecer todas as dúvidas que os participantes tenham. “Nosso objetivo é ajudar com que todos tenham mais facilidades para lidar com os editais”, explica.  

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na hora e local. Haverá certificado de participação.

SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA
Pular para o conteúdo Secured By miniOrange